Peças em cartaz

Filtrar por:
Álbum de Família - Pureza ou Pecado? Última semana
0 0 5
Álbum de Família - Pureza ou Pecado?

Quintas as 21hs

Teatro:

Gênero: Drama

Temporada: até 25/07/2019

Diretor: Edu Rodrigues

Elenco: Andre Luís – Camila Mendonça - Carla Verna  - Cristiane Marques – Diego Jardim - Felipe Estevão -  Guilherme Pedroso - Hebert Freitas – Kazue Akisue - Marta Regia – Reynaldo Sapucaia -  Tawany Rein 

Classificação indicativa: 18 Anos

Sinopse

O consagrado autor maldito ganha forma atemporal nessa incestuosa montagem. Com reflexões profundas e o desmascaramento brutal da instituição família, a peça se passa em dois ambientes. A semelhança absolutamente radical e aparentemente improvável dos dois cenários, ilustra o espaço profano, mesclando os ambientes em um único e atemporal lugar. Juntos em uma única e indelicada dramaturgia, trazemos ao palco um universo incestuoso entre os personagens que se movem num tempo verdadeiramente mítico, não marcado, inconsciente. Um espetáculo aprofundado nas emoções dos personagens e com uma leitura desagradável, afinal o próprio autor afirma: “Numa palavra, estou fazendo um teatro desagradável, peças desagradáveis. E por que peças desagradáveis? Segundo já se disse, porque são obras pestilentas, fétidas, capazes, por si sós, de produzir o tifo e a malária na plateia”Nelson Rodrigues, retratado pela neurociência das emoções através do Alba Emoting. Uma montagem surpreendente e inédita, marcada pela respiração como mola propulsora das emoções.

0 0 8
A Golondrina

Às sextas e sábados, às 21h; e aos domingos, às 19h

Teatro:

Gênero: Drama

Temporada: de 12 de julho a 8 de setembro.

Diretor: Gabriel Fontes Paiva

Elenco: Tania Bondezan e Luciano Andrey

Classificação indicativa: 16 Anos

Sinopse

Tania Bondezan e Luciano Andrey protagonizam o drama do espanhol Guillem Clua. Em cena, o encontro transformador  de uma professora de canto que perdeu seu filho em um ataque terrorista a um bar gay, e de um sobrevivente do atentado. A peça é inspirada no ataque terrorista homofóbico à boate Pulse, em Orlando, em 2016. 

0 0 4
Absolvição

Sábados, às 20h30, e domingos, às 19h

Teatro:

Gênero: Drama

Temporada: De 6 a 28 de julho

Diretor: Tristan Aronovich

Elenco: Paola Rodrigues, Luciana Stipp, Renata Bozzy e Iza Neiva

Classificação indicativa: 16 Anos

Sinopse

Baseado em fatos reais, o espetáculo aborda a história de Daniele Toledo do Prado, presa injustamente pela morte da filha de um ano, por overdose, em 2006. Daniele foi acusada de misturar cocaína na mamadeira do bebê. Reconhecida pelas companheiras de cela, foi espancada, torturada e teve uma caneta introduzida em seu ouvido direito. A mulher passou 37 dias na prisão, até que os exames laboratoriais confirmassem sua inocência. No entanto, ela já havia sido impedida de ir ao funeral da criança. Absolvição acompanha os momentos que Daniele passa na cela de isolamento, onde convive com duas outras mulheres: Dora, militante política engajada em movimentos sociais e feministas, presa e ameaçada por expor grandes esquemas de corrupção, e Lulu, socialite e ex-prostituta de luxo, presa por suspeita de envenenar e matar seu próprio marido, político com um cargo de alto escalão. Juntas, elas tentam sobreviver à prisão, aprendendo o significado do amor, da resistência e da tolerância.

0 0 2
A Sombra do Vale - A História Que Já Foi Contada Muitas Vezes

Sábados e domingos, às 16h

Teatro:

Gênero: Drama

Temporada: De 06 de julho a 4 de agosto

Diretor: Cia República Ativa de Teatro

Elenco: Amanda Cruz, Ana Medeiros, Caio Martins, Jhon Yuri, Jonathan Araújo e Thauany Mesquita

Classificação indicativa: 14 Anos

 

Sinopse

Tudo estava como sempre, até que um dia a sombra desceu o vale. Não houve tempo para perceber o que aconteceu. Só se sabe que tudo está diferente e todos perderam algo. Diante de tantas incertezas, o espetáculo embarca numa aventura sob um rio de lama em busca de respostas.

0 0 4
A Paixão de Brutus

Sábado e domingos, sempre às 20h.

Teatro:

Gênero: Drama

Temporada: de 13 de julho a 1 de setembro.

Diretor: Norberto Presta.

Elenco: Pedro Sá Moraes

Classificação indicativa: Livre

Sinopse

Peça inglesa do fim do século XVI sobre acontecimentos da Roma do século I a.C., Júlio César é um ensaio sobre conspiração e amizade, inveja e política, superstição e poder. A atualidade dos questionamentos levantados na peça foi o que despertou no artista a necessidade de encená-la. “O texto me arrebata porque revela muito sobre o nosso mundo – o ódio político, o jogo de cena, a vaidade – mas não fecha as questões. Não há um grande vilão como em outras peças de Shakespeare, como um Ricardo III ou um Iago (de Othelo). O que existe é um grande espelho, um leque rico de personagens, equivocados, mas fundamentalmente humanos”, conta Pedro Sá Moraes.Na adaptação, assinada pelo próprio ator, as ideias, diálogos e ritmos do dramaturgo inglês se desdobram em composições inéditas, inspiradas em fontes diversas, doscantastori italianos aos cordelistas do nordeste brasileiro, das composições para teatro de Chico Buarque, Vinícius e Guarnieri à épica de Bertold Brecht.