Peças em cartaz

Filtrar por:
0 0 4
Simbad, o Navegante,

sábado e domingo, às 17h30

Teatro:

Gênero: Infantil

Temporada: De 11 de Maio a 30 de Junho

Diretor: Carla Candiotto.

Elenco: Rodrigo Matheus e Ronaldo Aguiar

Classificação indicativa: Livre

Sinopse

Com o cenário todo estruturado em bambus, dois palhaços, protagonizados por Rodrigo Matheus e Ronaldo Aguiar, encenam as sete viagens do aventureiro Simbad. Juntos, eles manipulam estruturas de bambu que dão suporte para as acrobacias e ajudam a transformá-las em barcos, baleias, ilhas e pássaros gigantescos para narrar as viagens do marujo.

Saltimbancos Última semana
0 0 2
Saltimbancos

Sábado e domingo, às 16 horas

Teatro:

Gênero: Musical

Temporada: Entre 4 e 26 de maio.

Diretor:

Elenco: Marcos Lucatelli - Jumento (Violão e voz), Luanda Eliza - Galinha (voz), Mauricio Damasceno - Cachorro     (Guitarra e voz), Lilyan Teles – Gata (voz), Edson Barreto – O Barão (Baixo),Lucas Vargas – Músico convidado (Teclado e Sanfona), Willians Marques - Músico   convidado (Percuteria).

Classificação indicativa: Livre

Sinopse

O musical conta a história de quatro animais que se rebelam contra seus donos, depois de uma vida inteira de maus tratos. No Brasil, a peça italiana com letras de Sergio Bardotti e música de Luis Enríquez Bacalov, baseada no conto dos Irmãos Grimm (Os Músicos de Bremen), ganhou adaptação em português feita pelo músico Chico Buarque e lançada em 1977,quando o país vivia sob o regime de ditadura militar.

Se Fosse Fácil, Não Teria Graça Última semana
0 0 11
Se Fosse Fácil, Não Teria Graça

sextas e aos sábados, às 21h; e aos domingos, às 19h

Teatro:

Gênero: Comédia, Drama

Temporada: 13 de abril a 26 de maio

Diretor: Nando Bolognesi

Elenco: Nando Bolognesi

Classificação indicativa: 14 Anos

Sinopse

Nando Bolognesi recolhe de sua experiência, própria ou relatada, os causos e acontecimentos que viveu desde que recebeu um diagnóstico médico e transforma isso em outra vivência aos que assistem a seu espetáculo.Assim como em seu livro UM PALHAÇONA BOCA DO VULCÃO (ed. Grua livros), em “Se fosse fácil, não teria graça” o autor não informa apenas sobre o que lhe ocorreu.Sempre com muito bom humor, vai contando como aquilo que viveu o afetou e o transformou. Com isso tudo impregnado em seus gestos e pontos de vista, oferece ao espectador a vivência profunda daquilo que relata.Ao final de capa espetáculo, ator/narrador e público/ouvinte saem com algo novo incorporado a suas coleções de experiências vividas e repertórios sobre aprendizados inesquecíveis.